Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Quais são os tipos de frota e como é sua gestão?

Definir os tipos de frota para usar em uma empresa pode ser desafiador. É preciso considerar suas vantagens e desvantagens. Confira mais sobre o assunto.
Entenda os tipos de frota e como trazer melhorias à sua empresa.

Os tipos de frota são compostos por diferentes modelos de veículos, podendo ser próprios, alugados ou terceirizados. E, também, por variados modelos, desde motos até caminhões.

Eles ficam à disposição de uma empresa e são comandados por um gestor, profissional encarregado em administrar os gastos e desempenho da equipe. Além de lidar com a gestão dos veículos em si, ou do contato com os fornecedores, em caso de frota alugada ou terceirizada.

Cada frota atende a uma determinada demanda, e cabe à empresa decidir qual se encaixa melhor nos seus objetivos. Vamos conhecer:

Quais são os tipos de frota?

Frotas comerciais

As frotas comerciais atendem às maiores operadoras do mercado, como as grandes corporações e multinacionais. Isto porque possuem milhares de veículos, e dos mais diversos modelos, incluindo:

Caminhões, carretas, picapes, carros e vans.

Esses veículos são usados para diferentes tarefas do dia a dia, podendo servir desde o deslocamento de colaboradores até o transporte de cargas.

Se você pensar em operações como as da Coca-Cola ou mesmo do McDonald’s, são empresas que possuem frotas corporativas, a fim de dar conta de todo o trabalho logístico que têm.

Frotas de entrega

A principal função deste modelo é deslocar determinada mercadoria para entregar ao cliente em centros urbanos.

Planilha gratuita para o controle de pneus na frota

Organize em um só lugar o registro de todos os pneus de sua operação e reduza custos através de uma maior vida útil e menor consumo de combustível.
Eu concordo com os Termos de Uso e aceito receber conteúdo educacional e promocional relacionado com os produtos e serviços da PrologApp.

Por abranger uma grande diversidade de produtos a serem entregues, os modelos usados podem variar, mas são todos de menor porte, como: carros, motos, vans, utilitários e pequenos caminhões.

Na prática, os veículos também podem passar por áreas mais distantes, pois seu objetivo é chegar ao consumidor final.

Frotas de serviço público

As frotas de serviço público são de instituições que oferecem atendimento à população, como companhias de energia e saneamento.

São formadas por caminhões capazes de transportar a equipe e suas ferramentas. Também podendo ser um transporte realizado por vans e carros, a depender da necessidade.

Como você viu, são várias as frotas de veículos. No entanto, tudo só acontece de maneira eficiente diante de um bom plano e sistema de gestão de frotas, garantindo maior organização e padrão nas rotinas e processos da operação.

Como se dá a gestão nos diferentes tipos de frotas?

Frota alugada

A frota alugada é geralmente escolhida por empresas que usam os automóveis por um tempo limitado, sendo apenas alguns dias ou semanas.

Essa modalidade de operação não costuma ser aplicada a estratégias de longo prazo. Principalmente, porque a empresa depende única e exclusivamente da disponibilidade da outra companhia para a prestação de serviços.

Por isso, o gestor deve pesquisar o mercado para conseguir melhores condições e firmá-las em contrato.

Frota própria

A frota própria consiste em veículos comprados pela própria empresa que possui demanda o suficiente para adotar essa medida.

Neste caso, o gestor precisa ter um domínio completo do gerenciamento de veículos também. Além das demais especialidades que já são necessárias numa gestão de frotas, como:

  • Manutenção preventiva;
  • Controle de motoristas;
  • Cuidados com pneus;
  • Análise de dados e relatórios.

Sua principal desvantagem é o custo elevado, pois todos os gastos ficam por conta da empresa. No entanto, sua maior vantagem é a centralização dos processos e maior controle de frota dos veículos.

Frota terceirizada

A frota terceirizada pertence à outra companhia e possui contrato definindo o tempo de uso dos automóveis, responsabilidades de cuidados e manutenção, dentre outras condições.

Dessa forma, a empresa conta com previsibilidade de gastos, menos burocracia e suporte 24h, podendo substituir os veículos em casos de emergência.

Costuma ser uma contratação bem comum, já que diversas empresas precisam do serviço de transporte de insumos até a produção e, desta, aos pontos de venda (ou até mesmo até o cliente final), mas não querem lidar com o mantimento de um setor de transporte e logística em sua própria empresa.

Afinal, isto envolve contratar pessoas para o administrativo e operacional, incluindo motoristas, assistentes, mecânicos, analistas, entre outros. Além de precisar adquirir os veículos e tecnologias para gerenciar toda a operação com eficiência.

No embate frota própria vs. alugada, cabe ao gestor da empresa identificar onde se encaixam suas necessidades.

Quais são os veículos que formam diferentes tipos de frota?

Em cada tipo de frota, um determinado veículo é usado para cobrir uma demanda. Dentre elas:

Frota de carros

A frota de carros possui tamanho considerável e costuma ser implantada perto de aeroportos, rodoviárias e centros turísticos.

Dentre os tipos de frota, este modelo disponibiliza o aluguel de carros para pessoas que procuram usar por apenas algumas horas ou dias.

Frota de ônibus

A frota de ônibus é usada diariamente para o transporte público e privado de pessoas, por isso, possui grande capacidade.

A atenção e cuidado para este serviço deve ser redobrada. As demandas vão muito além de abastecer os veículos e colocá-los para andar, sendo necessário o máximo de segurança na manutenção e direção dos veículos.

Frota de motos

Comumente utilizada por serviços de entrega urbana para produtos menores e, na maioria dos casos, para produtos médicos e comida. Isto porque o veículo disponibiliza mais agilidade e rapidez na hora de driblar o trânsito.

Neste caso, o rastreamento das motocicletas é um grande aliado quando o assunto é segurança.

Frota de caminhões

Esta frota é voltada principalmente ao transporte de mercadorias, possuindo maior capacidade de armazenamento.

Geralmente, as frotas de caminhões transportam equipamentos eletrônicos e matérias-primas, como grãos e outros insumos.

Agora que você já conhece os principais tipos de frotas, é preciso aprender também como aplicar uma boa gestão para atingir pleno funcionamento. 

Confira nosso e-book gratuito: Como criar uma gestão mais eficiente e econômica.

Autor

Jade Zart

Leia também

Que tal receber conteúdos incríveis como estes e totalmente de graça?

Inscreva-se e reveba as melhores dicas e novidades para melhorar os seus resultados e de sua operação na gestão de sua frota.

O Prolog utiliza as informações de contato fornecidas à nós para informá-los de nossos produtos e serviços. Você pode deixar de ser inscrito a qualquer momento. Para saber mais informações de como ajustar suas configurações de privacidade, confira nosso “Termo de Uso” e nossa “Política de Privacidade”.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Além destes, temos outros materiais para te ajudar na gestão de sua frota.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

Soluções

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança.

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.