Tudo sobre a profundidade dos sulcos dos pneus

A profundidade dos sulcos do pneu é um indicativo do desgaste sofrido e da durabilidade que ainda tem. Confira como medir e controlar.
O que analisar na coleta de profundidade dos sulcos?

Na gestão de frotas, é muito importante controlar a profundidade dos sulcos do pneu. Para isso, você precisa entender o que é e quais são as maneiras para realizar esse controle.

Além disso, organizar os dados coletados na sua frota é essencial. Por isso, você deve ter um processo de: controlar a profundidade, anotar essas informações e analisá-las posteriormente, a fim de entender a durabilidade dos pneus, os ajustes de pressão necessários, e assim por diante.

Você pode até mesmo usar esses dados para descobrir qual o melhor pneu para cada operação da sua transportadora.

Vamos explicar tudo em mais detalhes. Siga lendo:

  • O que é a profundidade dos sulcos do pneu;
  • O que são os sulcos dos pneus;
  • Por que a profundidade dos sulcos é importante;
  • Quais problemas podem acontecer se não controlar a profundidade;
  • Para que servem os dados de profundidade dos sulcos do pneu;
  • Como coletar essas informações dos pneus;
  • Qual a medida ideal dos sulcos dos pneus.

O que é a profundidade dos sulcos do pneu?

A profundidade dos sulcos do pneu é uma medida, geralmente feita em milímetros, que indica o quão profundo são os sulcos do pneu no momento da medição.

Quando acompanhada, gera três informações fundamentais para a gestão de pneus: 

  1. Se o pneu ainda está em boas condições para rodar.
  2. Se o desgaste do pneu está acontecendo de maneira regular ou irregular.
  3. Qual o tempo médio de durabilidade do pneu na frota.

Planilha gratuita para o controle de pneus na frota

Organize em um só lugar o registro de todos os pneus de sua operação e reduza custos através de uma maior vida útil e menor consumo de combustível.
Eu concordo com os Termos de Uso e aceito receber conteúdo educacional e promocional relacionado com os produtos e serviços da PrologApp.

O que são os sulcos dos pneus?

Sulcos do pneu.

Os sulcos dos pneus são como desenhos na banda de rodagem, a parte central do pneu que fica em contato com as pistas, que possuem uma certa profundidade, de acordo com o modelo projetado e sua função principal.

Por exemplo, pneus desenvolvidos para viagens a longa distância em rodovias interestaduais possuem sulcos menores do que pneus cuja principal ação será rodar em centro urbanos.

Isso significa que elas têm o papel de resistir aos “obstáculos” da estrada e possuem o objetivo de fazer a passagem de ar, água e sujeiras. Dessa forma, garantem a aderência dos pneus à estrada e evitam problemas como a aquaplanagem.

Por que a profundidade dos sulcos é importante?

Ela é considerada tão importante porque faz com que os pneus tenham o melhor desempenho possível. Se o pneu ainda está com uma boa profundidade, significa que ele terá uma boa performance na estrada.

Por outro lado, conforme perdem sua profundidade, os pneus passam a exigir mais esforço do motor do veículo, por exemplo, o que aumenta o consumo de combustível e custos operacionais da frota.

Por que é importante medir e acompanhar a profundidade dos sulcos?

Porque precisamos evitar que o pneu tenha um desgaste irregular, quando uma parte de sua borracha fica mais desgastada que outra, e também, para que não chegue ao ponto de ficar careca.

Existe um desgaste natural nos sulcos que é inevitável, o problema é quando começa a haver fatores que provocam um desgaste excessivo ou outros tipos de desgaste (como na lateral do pneu ou escamado).

Nesses casos, a redução na profundidade dos sulcos do pneu se dá de maneira que pode causar danos irreparáveis nos ativos.

Inclusive, segundo a legislação brasileira, o mínimo que o sulco pode atingir é 1,6 mm. 

Todos esses pontos reforçam o quanto é necessário ter um controle próximo sobre a perda de profundidade dos sulcos.

Quais problemas podem acontecer se não controlar a profundidade?

Principalmente o desgaste excessivo ou irregular dos pneus. Mas, lembre-se que o desgaste dos pneus leva a outros problemas, como:

  • Problemas no sistema de freios;
  • Danos estruturais na suspensão;
  • Maior aquecimento do motor;
  • Fadiga na carcaça do pneu;
  • Aumento na distância de frenagem do veículo;
  • Perda de desempenho e produtividade em rota.

Para que servem os dados de profundidade dos sulcos?

Para entender mais sobre os pneus da frota e entender quais opções comprar ou evitar. 

Uma das informações que você pode extrair a partir do controle de profundidade dos sulcos é qual o pneu mais econômico e/ou de melhor desempenho. 

Igualmente, serve para saber exatamente a data de troca do pneu, evitar a recusa de recape e perda antecipada da carcaça.

Você consegue até mesmo saber a necessidade de realizar o alinhamento do veículo a partir do tipo de desgaste percebido no pneu. 

O grande objetivo de coletar e analisar dados sobre a profundidade dos sulcos é descobrir tudo o que precisa sobre os pneus da frota e reduzir seus custos. Afinal, você faz compras mais inteligentes e controla a manutenção dos veículos e pneus de maneira mais eficaz. 

Como coletar essas informações em cada pneu?

Verifique o TWI e profundidade dos sulcos para saber se os pneus estão bons.

Podemos medir a profundidade dos sulcos do pneu pelo paquímetro analógico, aferidor eletrônico ou observando o TWI do pneu. Cada método tem diferentes características e você precisa avaliar qual alternativa melhor se encaixa na rotina da sua operação.

Além disso, você já deve ter escutado alguns “truques” para medir a profundidade sem precisar de ferramentas específicas para isso, o mais famoso é o da moeda de 1 real. Mas, saiba que nenhum desses “atalhos” é confiável.

O que acontece, nesses casos, é que você fica prejudicado pela falta de informações e perda precoce de pneus. Afinal, esse pneu poderia passar por um processo de recapagem e ter sua vida estendida em torno de mais 2 anos.

Outra consequência é o aumento de custos na frota — tanto com pneus, quanto combustível e manutenção de veículos. Apenas informações que confirmam: não use os truques de medição!

Qual é o melhor método?

Depende da rotina que você já tem e dos resultados que deseja obter.

Quando optar por uma ferramenta manual, como o paquímetro analógico, todas as informações coletadas devem ser anotadas em papel e transferidas para uma planilha de controle de pneus ou até um sistema de gestão.

Em adição, a data da inspeção deve ser registrada. Assim, você tem maior controle sobre esses dados e o desempenho dos pneus ao longo do tempo.

Inclusive, com o controle manual, você pode gerar as tabelas de profundidade dos sulcos do pneu, com informações que ajudam a determinar a previsão de troca dos pneus.

Com um aferidor eletrônico, tanto a leitura quanto a inserção de informações no sistema são automatizadas — e acontecem em tempo real.

Usando a solução Prolog, que une o aferidor e o sistema de desenvolvimento próprio, a medição é enviada do aferidor para nosso sistema via bluetooth.

Assim, o sistema já faz o processamento dos dados e atualiza os relatórios automatizados, indicando a necessidade de calibragem, recapagem, troca, descarte, etc.

Como você pode conferir na imagem abaixo, o painel de controle é bastante completo e esclarecedor:

Dashboard do sistema de gestão de pneus.

Qual é a medida ideal de profundidade dos sulcos?

Os pneus de caminhão possuem medidas de profundidade dos sulcos que variam, em média, de dez a vinte mm. Por isso, é difícil confirmar uma medida ideal.

O que podemos esclarecer com mais precisão é a medida ideal mínima que um sulco pode chegar — esta é de 3 mm. 

Embora a legislação indique a medida de 1,6 mm, permitir que o pneu rode até este limite gera riscos como o de ocorrer a fadiga na carcaça do pneu e perder a possibilidade de enviar a peça a um processo de recapagem.

Como controlar a perda de profundidade dos sulcos do pneu?

Além de realizar o controle com as ferramentas adequadas, sejam manuais ou digitais, você deve contar com uma rotina de gestão de pneus.

Essa é uma área que vem ganhando destaque nas frotas brasileiras desde 2016, quando o sistema Prolog surgiu, e os gestores começaram a entender que tem grande impacto na economia e eficiência do transporte.

Podemos listar todos os cuidados relacionados a pneus como parte desta gestão. Porém, a atividade que mais se destaca é o controle de pressão e o de profundidade dos sulcos do pneu.

Assim, você consegue identificar se os pneus estão perdendo profundidade muito rápido ou se estão dentro do esperado. Igualmente, sabe exatamente a hora de retirar o pneu do veículo para que seja recapado e tenha sua durabilidade estendida.

Entenda ainda mais sobre esse tipo de controle e seus benefícios com o guia de nossa solução, o seu download é totalmente gratuito.

Autor

Luiz Felipe

Sócio fundador e CTO na Prolog App

Leia também

Que tal receber conteúdos incríveis como estes e totalmente de graça?

Inscreva-se e receba as melhores dicas e novidades para melhorar os seus resultados e de sua operação na gestão de sua frota.

O Prolog utiliza as informações de contato fornecidas à nós para informá-los de nossos produtos e serviços. Você pode deixar de ser inscrito a qualquer momento. Para saber mais informações de como ajustar suas configurações de privacidade, confira nosso “Termo de Uso” e nossa “Política de Privacidade”.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

Além destes, temos outros materiais para te ajudar na gestão de sua frota.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Soluções

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança.

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.