Procurando uma solução de Gestão de Manutenção para a sua frota?

Disponibilidade de frota: entenda o conceito e sua importância

Uma boa disponibilidade de frota é fundamental para as operações de transporte. Aprenda como controlá-la e aprimorar sua gestão.
Entenda a disponibilidade da frota.

A disponibilidade da frota indica quais veículos estão prontos para realizar rotas com segurança nas operações de transporte de uma empresa. 

Essa métrica pode ser influenciada por vários fatores, incluindo a realização de manutenção preventiva e o estilo de condução dos motoristas.

A taxa de ociosidade, que representa o tempo em que os veículos ficam parados para manutenção, também está diretamente ligada à disponibilidade da frota.

Portanto, é fundamental compreender os indicadores de disponibilidade, calcular essa taxa e adotar estratégias para otimizar as operações.

A seguir, você confere:

O que é disponibilidade de frota?

A disponibilidade de frota se refere à proporção de veículos na frota que estão prontos e disponíveis para realizar rotas com segurança. Isso significa que esses veículos passaram por manutenção preventiva, estão em bom estado de conservação e são operacionalmente viáveis.

Ter uma compreensão clara da disponibilidade de veículos ajuda a garantir que a operação de transporte ocorra sem interrupções, atrasos ou incidentes.

O controle eficaz da disponibilidade permite que as empresas tomem decisões informadas sobre quais veículos usar em determinadas rotas e quando realizar manutenção, contribuindo para uma operação mais eficiente e econômica.

KIT
Checklist: Modelos + Manual

Comece a aplicar o checklist agora em sua operação

Eu concordo com os Termos de Uso e aceito receber conteúdo educacional e promocional relacionado com os produtos e serviços da PrologApp.

Qual a importância da disponibilidade de frota?

Quando os veículos em uma frota estão disponíveis e em condições adequadas, a empresa pode manter o cronograma de entregas, atender às demandas dos clientes e otimizar a eficiência operacional.

Isso leva a uma redução de custos e, por vezes, maximização dos lucros, além de um aumento na satisfação do cliente. 

Outra questão que torna a disponibilidade de frota relevante é uma maior segurança na estrada, já que veículos bem mantidos têm menor probabilidade de causar acidentes devido a falhas mecânicas.

Quais são os fatores que provocam a ociosidade da frota?

Uma frota ociosa pode ser resultado de diversos fatores que afetam a disponibilidade dos veículos. Entre os principais motivos estão a falta de manutenção preventiva, que leva a problemas mecânicos frequentes, e a ausência de um plano de manutenção adequado. 

Além disso, um estilo de condução agressivo ou ineficiente por parte dos motoristas também pode provocar desgastes prematuros nos veículos, resultando em mais tempo de inatividade. 

Falhas na gestão de estoque e a falta de peças de reposição necessárias para manutenção podem aumentar a indisponibilidade dos veículos. É fundamental identificar e abordar esses fatores para reduzir a frota ociosa e melhorar a eficiência operacional.

Como calcular a disponibilidade da frota?

Para realizar esse cálculo, você deve considerar o número total de veículos na frota e, em seguida, subtrair o número de veículos que estão inativos devido a manutenção ou outros motivos. 

O resultado pode ser expresso como uma porcentagem e representa a quantidade de veículos disponíveis e prontos para uso. 

A fórmula para calcular a disponibilidade da frota é:

Disponibilidade da Frota = (Número total de veículos – Número de veículos inativos) / Número total de veículos

Trazendo essa conta com um exemplo em números, uma frota de 100 veículos com todos eles à disposição possui uma disponibilidade de frotas de 100%. Porém, se esta mesma frota estiver com 10 veículos parados ou inutilizados, a taxa de disponibilidade cai para 90%.

Lembre-se de que quanto mais alta for essa taxa, melhor será o desempenho da sua operação e a capacidade de atender às demandas da empresa.

Quais os indicadores de disponibilidade para a frota?

Esses indicadores fornecem insights valiosos sobre o status dos veículos e a capacidade da frota de atender às demandas operacionais. 

Alguns dos principais indicadores de disponibilidade de frota incluem:

  • Taxa de Disponibilidade: esse indicador calcula a porcentagem de veículos que estão prontos para rodar. Quanto maior a taxa, melhor a disponibilidade da frota.
  • Tempo Médio de Reparo: mede quanto tempo um veículo passa no reparo antes de voltar à operação. Um tempo mais curto é o desejável.
  • Taxa de Ociosidade: essa taxa indica quanto tempo os veículos permanecem parados ou inativos. Uma baixa taxa é um sinal de alta disponibilidade.
  • Percentual de Veículos em Manutenção Preventiva: monitora quantos veículos estão passando por manutenção preventiva regularmente, o que ajuda a evitar falhas inesperadas.
  • Tempo de Indisponibilidade: Mede o tempo total em que os veículos ficam inoperantes devido a reparos ou manutenção não programada.
  • Taxa de Incidentes Mecânicos: Calcula a frequência de incidentes mecânicos, como falhas de motor ou transmissão.

Como fazer o controle e aumentar a disponibilidade da sua frota?

Gerenciar os veículos de maneira padronizada

Para gerenciar sua frota de forma padronizada, crie um procedimento padrão que abrange aspectos como inspeção de saída, registro de incidentes e relatórios de problemas em ordens de serviço. 

Certifique-se de que todos na equipe estejam cientes desses padrões e os sigam corretamente.

Ter uma rotina de manutenção preventiva

Implementar uma rotina de manutenção preventiva é uma das chaves para controlar a disponibilidade da frota. 

Isso envolve a realização regular de manutenções programadas, revisões e inspeções. 

Garanta que todos os veículos sejam submetidos a essas manutenções, o que ajudará a evitar falhas inesperadas e a manter os veículos em boas condições de funcionamento.

Estabelecer os indicadores de acompanhamento

Estabeleça métricas, como a taxa de disponibilidade, o tempo médio de reparo e o tempo de indisponibilidade. Esses são alguns indicadores de manutenção que fornecem informações valiosas sobre o desempenho da frota.

Analise os dados constantemente

Monitore regularmente os indicadores estabelecidos e analise os dados coletados, identificando tendências, padrões ou áreas de melhoria. 

A análise constante permite que você tome medidas proativas para otimizar a disponibilidade e a eficiência da frota.

Para facilitar e agilizar esse controle, você também pode adotar um sistema de gestão de manutenção que oferece funcionalidades abrangentes para monitorar o status de cada veículo, planejar e executar rotinas de manutenção preventiva e gerenciar o estoque da frota. 


Entre em contato conosco para uma demonstração gratuita do sistema e comece a aprimorar a disponibilidade de sua frota agora.

Autor

Jade Zart

Leia também

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

O conteúdo que você já gosta e acompanha sobre o universo da gestão de frotas também está em vídeos publicados semanalmente e lives exclusivas com convidados.

Além destes, temos outros materiais para te ajudar na gestão de sua frota.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Soluções

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança.

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.

Gestão de pneus ágil e descomplicada para mais economia e segurança

Esqueça a papelada! O controle de sua frota na palma de sua mão.